Alegoria 04
O Batuque Inconfidente da Paiol

Ala 19
Um filho do verde esperança não foge à luta – Império Serrano 1996

Ala 18
Se essa onda pega, vá pegar em outro lugar – São Clemente 1988

Ala 17
Meu ouvido não é penico, meu Sam é de sambar – Caprichosos de Pilares 1986

Ala 16
Maldito bicho, se me ouviu. Se não gostou do meu samba, vai pra longe do Brasil – Unidos da Tijuca 1981

Ala 15
Esses revoltosos, ansiosos pela liberdade, nos arraiais dos Palmares buscavam a tranquilidade – Salgueiro 1960

Tripé 02
A voz inconfidente do samba

Ala 14
Inconfidentes por uma ostentação de amor

Ala 13
Inconfidentes por Direitos e Justiça

Ala 12
Inconfidência Social: dividir é multiplicar

Alegoria 03
A chibata estala no peito! Os senhores do poder rasgando leis e convenções

Ala 11
O Caos

Ala 10
Sujeira à jato

Ala 09
O mercado da educação

Ala 08
O mercado da saúde

Alegoria 02
Escravidão Social: “diga-me o quanto consomes e eu te direi quem és”

Ala 07 – Passistas
Masculino – Tumbeiro sobre rodas / Feminino – Tumbeiro sobre trilhos

Ala 06 – Bateria
Os “Capitães do Mato”

Mestre-Sala e Porta-Bandeira
Casa Grande e Senzala

Tripé 01
O “grande engenho” se tornou industrial

Ala 05
50 anos em 5: JK e o capital internacional

Ala 04
A Nacionalista Era Vargas: os primórdios do Brasil industrial

Ala 03
República de Bananas! e de cana, café…

Ala 02 – Baianas
Negro em louvação: a sonhada alforria chegou

Alegoria 01
Quão bondosa foi nossa princesa! Eis a Lei Áurea…

Destaque de Chão
A solidão do pioneiro: a busca por novos mercados

Ala 01
Produção e Consumo

Comissão de Frente
As engrenagens britânicas moldando o mundo